quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Caril de Salmão


Andei a folhear o meu livro de receitas indianas e quando vi esta, não resisti experimentar. Côco, salmão e coentros pareceu-me  combinação ideal. Faltou um ingrediente importante que não encontrei no supermercado mais perto de casa e não me apeteceu fazer 22km para ir a outro só para comprar chilis verdes. Ficou bom na mesma. Aliás, ficou óptimo. É também um caril com cores muito bonitas (que não foram captadas pela foto). O rosa do salmão com o creme do côco e o verde dos coentros. E se na foto parece ter demasidos coentros, não tem. Até pus mais depois de tirada a foto.

Fiz assim:
(para 4 pessoas)

2 colheres de sopa de azeite
1/2 colher de chá de sementes de mostarda castanhas
4 cravinhos
6 vagens de cardamomo
1 pau de canela
1 cebola pequena, cortada finamente
5cm de gengibre, sem casca e cortado em 4 pedaços
1 dente de alho
1 colher de chá de coentros em pó
300ml de leite de côco
2-4 chilis verdes inteiros
sal
100 ml de água
10 folhas de caril
1/2 colher de chá de pimenta preta moída
3/4 colher de chá de garam masala
500g de lombos de slmão, cortados em pedaços grandes

Sumo de limão e 50g de coentros frescos picados (para servir)

Aquecer o azeite numa panela anti-aderente, juntar as sementes de mostarda, cravinho, cardamomo e pau de canela e mexer durante 20 segundos. Juntar metade da cebola picada e refogar durante 4-5 minutos, até a cebola molecer.

Entretanto, colocar no liquidificador a restante cebola, gengibre, alho, coentros em pó e 100ml de leite de côco e bater té ficar puré. Adicionar esta mistura à panela com os chilis e sal. Cobrir com a tampa e cozinhar em lume baixo durante 10-12 minutos, mexendo de vez em quando.

Juntar o restante leite de côco, água, folhas de caril, pimenta, garam masala e o salmão. Deixar cozinhar durante 3-5 minutos sem mexer (o tempo depende d grossura dos filetes de salmão).

Para servir, junte o sumo de limão e coentros.

Os chilis (que eu não usei) não são usados para que o caril fique picante. Por isso se juntam ao caril inteiros. O picante está no interior do chili e neste caril apenas se quer o sabor do chili (não o picante).

Gosto muito de fazer receitas deste livro (Indian Food Made Easy) porque me sinto um bruxinha a pôr ervas e especiarias no caldeirão!

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...